quinta-feira, 12 de março de 2009

Santos Mineiros




Tirar vida do barro, da madeira ou de uma rocha é o fabuloso ofício do escultor. Para Michelangelo Buonarroti, esta era a mais nobre de todas as artes. O poder da plasticidade de uma escultura é algo que realmente fascina a humanidade.
Uma das mais notáveis manifestações da arte mineira tem sido a escultura. No período colonial, o gênio de Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho, tirou vida da pedra sabão e do cedro. Os santeiros tiraram santos e arcanjos da madeira para a devoção dos fervorosos católicos mineiros e igrejas e capelas receberam inúmeras talhas e imagens.
Apesar das poucas oportunidades de trabalho, não deixaram de existir escultores no século XIX e XX, e a escultura mineira ganha a cada dia mais admiradores, principalmente pelos acabamentos e riquezas de detalhes presentes nos santos esculpidos.

Valor das esculturas mineiras de São Francisco de Assis (da esquerda para a direita):

Primeiro: à vista: R$ 1.034,00 ou 5x R$ 220,00

Segundo: à vista: R$ 1.786,00 ou 5x R$ 380,00

Terceiro: à vista R$ 1.645,00 ou 5x R$ 350,00

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CONHEÇA. VISITE. VIVENCIE. COLOQUE ARTE NA SUA ROTINA.

Obrigado pela Visita!

A inovação é feita de pequenos detalhes...
Não é apenas um detalhe. (Michelangelo)