sexta-feira, 28 de março de 2014

Fotógrafo João Vicente Soprana é lançado pela Casa + Arte

Na noite de ontem a marchand da Galeria Casa + Arte, Mirian Soprana, lançou o fotógrafo João Vicente Soprana. O artista morou em Dublin, Milão, conheceu parte da Europa e fez mochilão pela Ásia, contemplando lugares como o Karakul Lake, Hunza Valley, Taj Mahal, Golden Temple e Kashimira Paquistanesa. Esses locais despertaram o interesse de Vicente pela fotografia. Na sequência, ele fotografou expedições pelos Andes Peruanos e Patagônicos, registrando o seu olhar por onde passou, sempre aprendendo e interagindo com a cultura local. "Compreendi que está é uma escolha para a minha vida", afirma o fotógrafo.


Foto: Caminhos de Machu Picchu (em quéchua Machu Pikchu, "velha montanha").

- "Fotografada ao amanhecer no nono mês do calendário Inca - YapuyQuilla – (setembro no calendário ocidental). Para captar este ângulo, me ajoelhei nas centenárias pedras incas. Está foto foi eleita– Foto do Dia – pelo concursonacional (PhotoChallenge) do jornal METRO na categoria SEXTO SENTIDO com a colaboração da NIKON e apoio da GOL, e impressa no jornal em meados de 2013. 






Foto: Passarelas no bosque do Cerro Martial – Ushuaia.

- Fotografada no Ushuaia, simplesmente a cidade mais meridional do mundo. Em outras palavras, muito perto da Antártida. Imagem captada nas imprescindíveis passarelas do bosque, construídas sobre áreas úmidas e barrentas. OCerro Martial ou Glaciar Martialé uma montanha argentina daTierradelFuegocom vista para oUshuaia,cujo nome homenageia o Comandante Louis Ferdinand Martial, da expedição científica francesa La Romanche que explorou a área ao redor do Cabo Horn para Punta Arenas. 
(março de 2012).






Foto: Simpática garotinha em Tinqui – vilarejo base para expedições à montanha Ausangate.

- Estávamos aguardando nosso guia na praça central do vilarejo, aproveitei para registrar algumas senhoras que vendiam artesanatos típicos da região, conversando com uma delas, outra apareceu com sua filha toda caracterizada com trajes típicos.Além da foto e vivência, fui contemplado com um carinhoso abraço desta simpática garotinha.  (Peru, setembro 2013)







Foto: Alpacas acima dos 4.300m na montanha Ausangate.

- Fotografada no ultimo dia da expedição, no vilarejo de Pachanta, ao pé da montanha Ausangate, nos Andes Peruanos. Na foto as premiadas alpacasdo nosso estimado guia Mario (ganhou o premio local de melhor alpaca de 2013).Ele fazia questão que o chamasse pelo seu nome na língua quéchua – Huamann – e sua singela casa onde acampamos em frente. Ali ele morava com sua esposa, os dois filhos e uma sobrinha, mais nove CUY (conhecido no Brasil como: porquinho-da-índia).






Foto: Cozinheira da expedição,em traje típico.

- Registrada acima dos 4.500m no segundo dia de expedição. Após 20 km de trekking em direção as famosas lagoas da magnifica montanha Ausangate, com seus 6.386m, nos Andes Peruanos. Na foto a índia quéchua, que não falava espanhol (somente quéchua), era a esposa do nosso guia e cozinheira nesta expedição. (Setembro de 2013)


Um comentário:

  1. Maizááá! Belas imagens Jhonny! Grandes lugares! Parabéns e boas viagens... Abraço Gregorius!!!

    ResponderExcluir

CONHEÇA. VISITE. VIVENCIE. COLOQUE ARTE NA SUA ROTINA.

Obrigado pela Visita!

A inovação é feita de pequenos detalhes...
Não é apenas um detalhe. (Michelangelo)